Celebrando mulheres o ano inteiro | #5mulheresartistas

Já passaram das onze.

Aqui, todos dormem. Menos eu.

Pudera.

Essa é a hora mais silenciosa do dia em casa. Perfeita para colocar tudo em ordem,  trabalhar e descansar das minhas quatrocentas e setenta e oito listas mentais do que fazer. Ou apenas repassá-las outra vez, é o que tem para hoje (e para amanhã também). Mulheres do mundo inteiro celebram o dia/mês/ano das mulheres de forma combativa e resignada em um looping eterno das suas duplas, triplas e exaustivas jornadas de trabalho que nunca acabam.

Inspirada no desafio #5WomenArtists do National Museum of Women de Washington, resolvi entrar na brincadeira e escrever um punhado de coisas bem rapidinhas sobre 5 mulheres floristas que me inspiram dentro da arte floral. Vem comigo?

  1. Kally Ellis
Crédito|Foto: Gary Moyes

À frente de uma das escolas de arte floral mais conceituadas do mundo, a londrina Kally Ellis trocou o Departamento de Marketing de um banco francês qualquer há 26 anos atrás pelo sonho de ter a sua própria floricultura. Hoje a McQueens oferece serviços de assinatura de flores para hotéis e empresas, vende arranjos e buquês online (e em uma loja física), cria e executa projetos florais para casamentos, além de dar aulas de arte floral para alunos do mundo inteiro. Um dos modelos de negócio que mais me inspiram hoje no mundo das flores é o dela.

2. Maria dos Reis Carmo

Conheci a Maria em 2014, no início da minha formação na arte floral, na escola do Tilli, do Paulo Perissoto e do Tanus Saab. Eu ainda tentava entender a dimensão de um novo fazer profissional junto com um monte de iniciantes e Maria, com muita força em cada palavra e modéstia ao mesmo tempo, fazia aquele curso pela milésima vez. Incansável no aprendizado, na escuta e na técnica. Maria é professora e reside na cidade de Guaxupé, em Minas Gerais, e já teve floricultura, fez/faz buquê de noiva, decoração para casamentos e eventos diversos na sua cidade e pertence ao time de artistas florais certificados pela ABAF.

Algumas mulheres quando cruzam com a gente, mesmo sem sabermos nada sobre elas, nos marcam. A Maria ficou na minha memória.

3. Fiona Pickles

Foto|Divulgação: Vogue Magazine

A Fiona está a frente da Firenza Floral Design e produz arranjos que mais parecem quadros, é algo inacreditável. A cada trabalho dela que vejo tenho que prender o ar e ir soltando aos pouquinhos, é uma orgia para os nossos olhos. As cores  e flores parecem ser milimetricamente dispostas. Vale a pena conhecer o trabalho dela.

4. Monica Rezende

Foto|Divulgação: Facebook

O trabalho da Monica é estupendo. De verdade. O movimento das flores é respeitado e os espaços negativos em cada arranjo evidenciam que a técnica e a norma somam ao nosso trabalho. Porém, subvertê-las com leveza e intuição quando necessário é o que dá forma e identidade a cada arranjo executado.

Assim que eu ganhar no show do milhão, sairei por aí fazendo milhares de cursos e conhecendo profissionais incríveis como ela. O curso dela está lá, cravado em uma pedra que eu o farei.

5. Katie Davis

Crédito|Foto: Anne Blodgett Photography

A Katie está a frente da Ponderosa & Thyme e possui uma sensibilidade ímpar no manejo das cores (mais uma vez, elas… para mim a cor é um aspecto imbatível em um arranjo aliado a sua forma e técnica de execução). Flores e folhagens desidratadas contrastando com uma paleta viva de maneira incrivelmente harmônica. Conheça agora mesmo o trabalho dela.

Sobre Winnee Louise

florista, assistente social e cantora de karaokê nas horas vagas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *